Estrabismo


O que é estrabismo?

É uma doença que consiste na falta de alinhamento dos olhos. Pode ser constante ou aparecer em determinados momentos (estrabismo intermitente).

É uma das alterações mais comuns na infância, ocorrendo em aproximadamente 2% das crianças, mas pode aparecer em adultos também. Afeta igualmente homens e mulheres e em alguns casos tem caráter familiar.


Tipos de estrabismo

O estrabismo pode ser convergente (“para dentro”), divergente (“para fora”) ou vertical (“para cima ou para baixo”).

Um dos estrabismos mais comuns é o estrabismo convergente em crianças de 2 a 3 anos que é relacionado a alto grau de hipermetropia. É relativamente comum também o chamado “falso estrabismo”, causado pela base do nariz mais larga e uma prega de pele no canto interno da pálpebra das crianças (epicanto), que dá a impressão que os olhos não estão alinhados.


A visão e o cérebro

Quando um dos olhos fica desviado, a pessoa enxerga duas imagens ao mesmo tempo, o que é chamado de visão dupla ou diplopia.

Na criança, o cérebro aprende a ignora a imagem do olho desviado, impedindo a ocorrência da dupla visão, mas isso prejudica o desenvolvimento desse olho, que acaba se tornando “preguiçoso” (ambliopia). O olho “preguiçoso” tem a visão muito ruim e não melhora nem com óculos, pois o cérebro como esquece este olho não desenvolve o sistema visual do mesmo. A falta de alinhamento ocular também atrapalha a visão em 3D, chamada estereopsia. Já o cérebro do adulto tem dificuldade em ignorar uma das imagens, então pacientes adultos que desenvolvem estrabismo sempre reclamam de visão dupla.


Diagnóstico

O diagnóstico de estrabismo é feito na consulta com um oftalmologista.

Quando a criança é muito pequena, consiste em observar o reflexo de uma lanterna nas pupilas; no caso de crianças maiores e adultos, consiste em mostrar um objeto e observar o movimento de um olho quando se oclui o outro. A magnitude do estrabismo pode ser medido com lentes chamadas prismas.


Tratamento

Os objetivos do tratamento são: devolver o alinhamento dos olhos, melhorar a visão do olho “preguiçoso” e restaurar a visão em 3D.

O tratamento é variável, pode incluir o uso de óculos, oclusão (tampão ocular), e eventualmente, cirurgia.

É importante saber que o tratamento do “olho preguiçoso” só pode ser feito na infância, de preferência até os 7 anos de idade. Assim, quanto mais cedo o estrabismo for diagnosticado e tratado, melhor será o resultado. O tratamento consiste em usar o tampão no olho bom, a fim de obrigar o olho “preguiçoso” a trabalhar, recuperando a visão.


Cirurgia do Estrabismo

A cirurgia do estrabismo pode ser realizada em qualquer idade, mesmo em adultos.

Fazem-se ajustes nos músculos que movimentam os olhos. Dependendo da intensidade do desvio, pode ser necessário operar um ou os dois olhos. Utiliza-se anestesia geral para garantir que o paciente não sinta nenhuma dor. Casos mais complicados de estrabismo podem necessitar de mais de uma cirurgia. A cirurgia em crianças auxilia o desenvolvimento normal da visão nos dois olhos. Em adultos, o objetivo da cirurgia é aliviar a visão dupla, ampliar o campo de visão e melhorar a estética.


AGENDE UMA CONSULTA

Clique aqui e agende uma consulta online.

+55 11 3022 5177 | ask@oftalmocoe.com.br

Acesse nosso sistema de agendamento online.

Atrávés dele selecione o plano de saúde, especialidade, procedimento e profissional para agendar um horário.

agende online

Planos de Saúde

Clique aqui e veja todos os planos de saúde atendidos